Dor de ouvido na infância: entenda mais!

Todo pai e mãe sabe: se tem uma coisa que preocupa nas crianças, é a dor de ouvido na infância. Conhecida como otite, a dor de ouvido pode aparecer por diversos motivos e precisa ser cuidada de perto para não se agravar e trazer complicações.

A infecção no ouvido é mais comum de aparecer durante os dois primeiros anos de vida porque o sistema imune da criança ainda está em formação o que a deixa vulnerável a gripes, que acabam levando à otite.

Sintomas e tratamento da otite

Observe se sua criança reclama de dores no ouvido, apresenta febre, ou fica levando a mão sempre até a orelha, como indicando incômodo.

Marque uma consulta com o pediatra ou um otorrino assim que perceber esses sintomas, pois a otite não tratada pode causar até mesmo a perda auditiva.

Geralmente o tratamento para a infecção é simples: uso de remédios no ouvido ou via oral – dependendo do tipo de otite que a criança apresenta.

Caso a criança apresente sempre dor de ouvido, o médico deverá investigar a causa que às vezes está ligada à outras condições, como a adenóide aumentada, por exemplo. Por isso não é indicado ficar tratando a criança em casa sem o acompanhamento de um médico.

Lembre-se sempre que para a criança, relatar sintomas é mais difícil, pois isso é preciso estar atento.

Para prevenir as infecções, é indicado amamentar exclusivamente no peito até os seis meses, por conta dos anticorpos e da sucção, limpeza das vias respiratórias (nariz) e claro, vacinas sempre em dia!

Não esqueça: seu filho deve ser sempre acompanhado de perto por um médico. Aqui na Viver10 contamos com pediatra e otorrino. Marque hoje uma consulta pelo número 2122-9664!

Leave A Comment